Adubo Químico

Muita gente fica em dúvida na hora de adubar suas plantas com fertilizantes químicos, especialmente porque ouvimos tantas coisas ruins sobre eles, mas sabendo usá-los eles se tornam bastante benéficos: basta saber como funciona, qual fórmula usar, e como aplicar. Para facilitar o trabalho, daremos algumas dicas bem úteis:

Os adubos ou fertilizantes químicos geralmente são vendidos em lojas de jardinagem e até em supermercados. Na embalagem, trazem a sigla NPK, mostrando que o produto contém os elementos mais importantes para o desenvolvimento das plantas: o nitrogênio (N); o fósforo (P) e o potássio (K). Existem formulações diferentes de fertilizantes NPK, baseadas na sua finalidade. Em geral, usa-se:

  • NPK 4-14-8 (4 partes de nitrogênio, 14 partes de fósforo e 8 partes de potássio) para espécies que produzem flores e frutos. Ex. hibisco, azaléias, violetas, cítricos como a laranjeira, legumes, etc. Além disso, segundo a maioria dos fabricantes, esta formulação é ideal para ser aplicada no momento do plantio dos vegetais, no preparo do solo, pois o alto teor de fósforo proporciona uma melhor formação e desenvolvimento das raízes e estrutura das plantas.
  • NPK 10-10-10 (partes iguais dos 3 elementos) para espécies que não florescem e não produzem frutos, como as samambaias. Segundo os fabricantes, esta formulação também é ideal para ser aplicada em plantas já formadas, na forma de cobertura. Neste caso, pode ser usadas em flores, folhagens, hortaliças e frutíferas.
  • NPK 15-15-20 (15 partes de nitrogênio, 15 partes de fósforo e 20 partes de potássio), rica em potássio, esta formulação é considerada bem prática, pois pode ser usada também no cultivo hidropônico, sendo indicada especialmente para hortas.

Também existem no mercado as fórmulas preparadas especialmente para determinadas espécies de plantas ornamentais. É o caso das violetas, orquídeas, rosas e samambaias. Neste caso, os fabricantes elaboram uma fórmula adequada às necessidades nutricionais de cada espécie.

Uma outra formulação especial já encontrada no mercado é o NPK granulado para gramados, que pode ser aplicado de uma forma bem rápida e prática, simplesmente espalhado sobre o gramado.

A freqüência de adubação varia de acordo com a espécie cultivada. Algumas precisam mais outras menos, mas, de forma geral, a adubação pode ser feita a cada dois meses. Mas lembre-se: quanto à dosagem e forma de aplicação, siga rigorosamente as indicações do fabricante, que constam na embalagem do produto.

18 comentários em “Adubo Químico”

  1. Plantei um Pé de coco anão em casa(sp/capital) coloquei – o em uma cova de 50 cm fundura X 40 de largura, coloquei areia e tb terra(ele já estava com 60 cm quando o plantei). Estou c/ receio quanto ao crescimento e resultado..Pergunta:
    Por gentileza qual adubo químico colocar e onde comprar?
    Grato
    zenaldo

  2. Olá,gente sou andrea,moro no para,mas tenho uma casa fora da cidade,é uma chacará,pois mudei faz pouco tempo, e gostaria que vcs me orientasse,como devo me proceder com minha arvorés frutiféras, e também com meu jardim,como devo colocar o NPK 10-10-10,,,quantas vezes no mês,no ano,enfim me oriente,e como faço misturo com outro produto,,qual a quantidade,aguardo sua resposta.ANDREA

  3. tem um plantio com 200 pes de maracuja ja a um ano e 4 messe posso colocar o adubo 10 10 10 estou achando os pes muitos fraco, acho tanbem que é devido as chuvas, que devo fazer

  4. tenho um pequeno pomar em minha chacara.larangeiras, tangerinas, limoeiros,mangas.vejo que eles estao com problemas os frutos sao poucos e ainda estao doentes comesão amarelar e cai, tem uns pés de laranja que nao desenvolvem ficao mirrados. o que devo fazer.

  5. tenho em casa um pe de graviola mas ele nao consegue dar frutos.nascem as flores e elas crescem e cai sem vir o fruto.estive observando parece ter uns insetos brancos e outros pretos parem uma mosca,sao um pouco diferentes.voces podem me ajudar?

  6. TEnho no meu quintal:manga,goiaba,graviola,cajú.
    Que tipo de adubo coloco para cada espécie?
    Qual a quantidade?

    Atenciosamente.

    Fernando Gomes de Souza

  7. or favor, gostaria de saber qual o adubo NPK ideal para as seguintes frutíferas em fase de formação: lichia, jabuticaba, caju e coqueiro anão. Ainda gostaria de saber quantas vezes por ano devo adubar e a quantidade de adubo para cada muda, lembrando que as mudas têm em média 1 metro de altura.

  8. PRECISO ADUBAR ALGUNS PÉS DE FRUTAS DA MINHA PROPIEDADE, ALEM DISSO ESTOU COMEÇANDO A PLANTAR MAMÃO DO TIPO HAWAHI. QUAL O TIPO DE ADUBO QUIMICO MAIS RECOMENDADO PARA ESTE TRABALHO ?

  9. Comprei uma chacara de 3000 mts. Lá existe.Laranjeira,limoeeiro.jaqueira.jabuticada romã e outras frutas, que tipo de adubo eu devo usar.As arvores frutiferas estão bem maltratadas.

  10. Eu vou usar o 10 /10 /10 p/ misturar c/ esterco de cabra e serragem, qual é à proporção ideal p/ esta mistura.
    Vou utilizar em todas as culturas de meu sitio.
    Obrigado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>